São Filipe: Professoras em licença de maternidade serão substituídas até final do mês – Almeida Louro

Sexta, 23 Outubro 2015
São Filipe, 22 Out (Inforpress) – As vagas deixadas pelas quatro professoras da escola secundária Dr. Teixeira de Sousa, em licença de parto/maternidade, vão ser preenchidas até ao final deste mês de Outubro, disse o director do estabelecimento de ensino, Almeida Louro. Almeida Louro explicou que as professoras entraram em licença de parto/maternidade nos meses de Setembro e Outubro, início do ano lectivo, e que as vagas não foram ainda preenchidas porque era necessário fazer o concurso para recrutamento de docentes, indicando que, segundo informações da direcção dos Recursos Humanos do Ministério, elas serão preenchidas até ao final do mês. Segundo o director da escola, é necessário preencher as vagas para evitar que algumas turmas fiquem sem avaliação nas disciplinas que estas professoras leccionam, sublinhando que a direcção da escola está a fazer tudo para resolver o problema o mais depressa possível. Para o director, afora estes constrangimentos, a escola iniciou o ano lectivo sem falta de professores, estando as actividades a decorrer na normalidade. À semelhança dos anos anteriores, depois do arranque do ano lectivo, a escola recebeu mais de duas centenas de alunos cujas matrículas não foram realizadas na época destinada para o efeito e muitos dos quais entraram pela primeira vez. Dos alunos matriculados depois do início do ano lectivo, pelo menos quatro foram inscritos por intermédio do Instituto Cabo-verdiano da Criança e Adolescente (ICCA), já que os pais não estavam dispostos a envia-los para a escola. JR/JMV Inforpress/Fim
Leia ainda - Artigos mais recentes: